Crise de ansiedade – sintomas, tipos e transtornos

postado em: Blog, Yoga | 0

Em nossos últimos artigos Yoga X Ansiedade e Aula de Yoga para relaxamento abordamos diversas técnicas, posições e mantras do yoga que auxiliam na caminhada contra a ansiedade

Mas o que é a ansiedade?

Nesse artigo vamos entender um pouco mais sobre os tipos e sintomas da doença. A ansiedade é uma experiência humana nos acontecimentos da vida, por exemplo: o bebê fica ansioso na ausência dos pais, a criança fica ansiosa no início do ano letivo, o adolescente no início de seus relacionamentos afetivos, o adulto quando começa a assumir responsabilidades de um emprego, de um lar, de uma família, ou as perdas, como desemprego, fim de um casamento, medo da velhice e da morte.

A ansiedade é necessária, pois quando sentimos medo, nosso organismo tem reações químicas (hormônios adrenalina, noradrenalina, cortisol) em resposta emocional e fisiológica que aumentam o nível de energia para respondermos ao perigo. Mas, quando não conseguimos “desligar” essa energia extra, o corpo fica “ligado”. Quando não conseguimos nos livrar das preocupações, esgotamos nosso sistema nervoso e nossa mente fica doente, e é aí que as aulas de yoga podem melhorar esse quadro, focando no relaxamento e no momento presente. Mas, vamos a alguns dos sintomas da ansiedade:

  • Irritabilidade;
  • Cansaço constante;
  • Tensões musculares;
  • Agitação ou tremores;
  • Perturbações no sono (insônia ou dormir demais);
  • Falta de concentração;
  • Falar rapidamente;
  • Comer compulsivamente ou perda de apetite;
  • Aumento ou perda de peso;
  • Palpitações ou aumento da frequência cardíaca;
  • Fobias;
  • Sudorese;
  • Náusea, dor de estômago ou diarreia;
  • Dor de cabeça;
  • Tontura, instabilidade ou desmaio;
  • Sentimento de inadequação, melancolia e pessimismo.

Tipos de ansiedade

Existem diversos tipos de ansiedade, mas seus sintomas físicos são muito semelhantes:

Ansiedade por causas externas (Exógena)

Preocupação, ameaças reais ou iminentes, por exemplo: assumir uma dívida, marcar uma cirurgia, perder o emprego, terminar um relacionamento, morte de um ente querido. A ameaça é tamanha que a pessoa resiste em enfrentar e transforma em sintomas físicos.

Ansiedade por causas internas (Endógena)

Emerge dos pensamentos da pessoa, como vagos temores que ela mal consegue reconhecer, por exemplo: medo de ser castigado, punido, de não ser amado, de não ser bom o bastante, de perder o autocontrole.

Ansiedade nascida da culpa

Desde a infância a pessoa fica condicionada a certos valores morais do que é certo e do que é errado, do que é bom e do que é mau. À medida que fica adulta esses valores continuam desenvolvendo um tribunal interior muito severo dentro de cada um. Algumas pessoas sempre dizem SIM, pois não suportam a culpa de dizer NÃO.

Ansiedade sem causa definida

Não está ligada a nenhuma causa aparente.

Transtornos de ansiedade

Quando a ansiedade foge do controle acarreta diversos sintomas físicos, psicológicos e emocionais, gerando os mais diversos transtornos de ansiedade. Hoje no Brasil o segundo medicamento mais vendido é um ansiolítico, para controlar e diminuir estes sintomas.

TAG -Transtorno de ansiedade generalizada

A pessoa sente muita preocupação, dificuldade de concentração nas atividades diárias, agitação e irritação por pequenas coisas que acontecem. Acaba interferindo na qualidade de vida pois causa sofrimento na vida social, profissional e familiar.

Transtorno do pânico

Ocorrem após excitação, esforço físico, atividade sexual ou trauma emocional. Os ataques costumam durar menos de uma hora e a pessoa sente muita ansiedade, medo de morrer, medo que aconteça alguma catástrofe, sente falta de ar e palpitações ou mesmo uma aceleração dos batimentos cardíacos. Pode vir acompanhada de agorafobia e a perda do sendo de direção.

Transtorno de estresse pós-traumático

Quando se vivencia traumas emocionais intensos como guerra, catástrofes naturais, sequestros, agressões físicas, estupro e acidentes sérios. A pessoa tem recordações destes acontecimentos com muita aflição e um grande sofrimento psicológico.

Fobias e fobia social

É um medo irracional e excessivo que faz com que a pessoa evite situações que a exponha, como medo de voar, medo de altura, medo de animais, medo de lugares fechados e medo de lugares com grande concentração de pessoas.

A Fobia Social é o medo da humilhação e embaraço em situações sociais, como o de falar em público, de comer com outras pessoas, de dançar, e de atividades físicas em público. A pessoa faz tudo para evitar, pois sente sensações ruins em se expor como palpitações, sudorese, frio na barriga, desarranjos intestinais, falta de ar e tremores.

Transtorno Obsessivo-compulsivo

Ideias, imagens ou impulsos recorrentes. Preocupações excessiva com contaminações, dúvidas, perdas e agressividade. A pessoa com distúrbio obsessivo-compulsivo fica impelida a praticar rituais como verificar várias vezes se trancou as portas e janelas da casa, lavar as mãos várias vezes, tomar vários banhos, excesso de ordem dos objetos de uso, contagens repetidas e afirmações.

Ansiedade induzida por drogas ou problemas médicos

Incluem os transtornos neurológicos, transtornos cardiovasculares, transtornos endócrinos, transtornos respiratórios (asma e bronquite).

As drogas que estimulam a ansiedade são o álcool, os estimulantes, a cafeína, a nicotina, a cocaína e outras drogas alucinógenas e muitos medicamentos de receita obrigatória, que ao serem suspensos levam à síndrome de abstinência. No Yoga vamos muito além da flexibilidade e do equilíbrio, nos entregamos ao momento presente, dedicamos um tempo para nós mesmos e muito mais, isso pode ser essencial em um tratamento contra a ansiedade. Venha conhecer mais sobre esse universo, agende sua aula experimental gratuitamente e comece a mudar seus hábitos com a gente, no espaço Yoga Casa Verde.

Seguir Profª Fatima:

Olá, eu sou a Fátima, professora da escola de Yoga Casa Verde. Há cerca de 20 anos ministro aulas de Yoga. Nesta minha jornada sei que preciso aprender e me aprimorar sempre para poder ensinar, pois eu sei que cada aluno é diferente. O Yoga é uma fonte inesgotável de conhecimento que traz Luz para todos que se comprometem a ensiná-lo e a praticá-lo. Namaste

Últimos Posts de